UFAD-CGPB prossegue com calendário festivo

culto festivo no Severino CabralNa última sexta-feira (22) aconteceu a décima primeira festividade dos Círculos de oração da União Feminina da Assembleias de Deus em Campina Grande (UFAD-CGPB). O culto de ação de graças foi realizado na congregação Maná do Céu e envolveu as senhoras do setor 4 da Área Oeste da cidade.

Entre testemunhos de fé e milagres, foi possível ouvir as motivações de diferentes pessoas que frequentam os círculos de oração em busca de uma resposta do Senhor. A dirigente do círculo de oração naquele local, Gilda Roque contou um desses exemplos.

Igreja glorificando a Deus em culto de Círculo de oraçãoCerto dia chegou aqui uma senhora desesperada querendo tirar a sua própria vida. Ela nos contou que estava com depressão e nós falamos de Jesus, ela começou a chorar, e nesse momento entregou sua vida para o Senhor. E para nós foi um momento de satisfação saber que ao estarmos aqui com essa porta aberta, as pessoas desesperadas podem encontrar palavras de conforto”, disse.

Para a segunda coordenadora da UFAD-CGPB, Ana Lúcia Albuquerque, são esses testemunhos que fortalecem o esforço das mulheres que tem a difícil tarefa de conciliar a jornada de fé com suas atividades seculares e sempre acompanhadas de intercessão e ação.

Sabemos que para fazer a obra de Deus é difícil, as irmãs realmente pagam o preço da renúncia, deixam por um dia o seu lar e vem se dedicar a obra do Senhor e isso é glorioso. Como diz a palavra são muitos chamados e poucos escolhidos, mas Deus tem escolhido mulheres que estão a frente do círculo de oração e eu louvo a Deus pela vida de cada uma delas”, destacou a coordenadora.

Circulo de oração festivo na congregação Maná do CéuO tema da festividade foi com base no livro de Neemias capitulo 1, versículo 4 dando ênfase a enfrentar os desafios espirituais da época presente, foi o que explicou a supervisora do setor 4, Maria Vieira de Sousa.  A gente pensou no nosso contexto atual e assim como Neemias foi chamado para levantar os muros de Jerusalém, nós também estamos aqui nesse setor, tentando erguer os muros que estão caídos espiritualmente falando”, afirmou.

E foi com base nessa temática que a irmã Sônia Borges pregou na tarde daquele dia. “Vivemos uns dias difíceis, com uma desesperança tremenda, então a gente pode sentir através da palavra de Deus que há esperança para o renovo, para uma reconstrução, para algo novo na nossa vida, e é para isso que estamos aqui para adorar e para ver o novo de Deus chegar”, ressaltou a pregadora.

Conjunto Tochas AcesasE cheias desse renovo do Senhor, que as cantoras locais e o conjunto Tochas Acesas louvaram e engrandeceram o nome do Senhor. Para a coordenadora dos círculos de oração da área oeste, Dulcinéia Farias essa também é uma forma de agradecer as bênçãos alcançadas ao longo desse ano.

Deus tem feito grandes coisas aqui, tem salvado, tem batizado com Espírito Santo, e até mesmo nas nossas reuniões, o Senhor tem se feito presente. Temos visto o poder de Deus nas nossas vidas e as irmãs estão aqui servindo. Mesmo com as lutas, mesmo com o cansaço, mas elas estão aí firmes e fortes, servindo e engrandecendo o nome do senhor”, finalizou a coordenadora.

Agora as senhoras se preparam para o congresso geral de mulheres que está previsto para acontecer nos dias 13 e 14 de dezembro de 2017.

Confira o calendário das festividades da UFAD-CGPB

Reportagem: Leonarda Barros
Imagens: Veneziano Gonçalves