Cântico Pentecostal presta culto em gratidão no Templo Central

O departamento de mocidade do Templo Central da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Campina Grande (IEADCG), composta por 45 jovens, realizou no último domingo (19), durante boa parte do dia, uma programação especial que foi marcada por momentos de oração, pela manhã, e estudo da Palavra de Deus à tarde. O tema escolhido para a festividade deste ano baseou-se na carta de Paulo aos Coríntios, capítulo 14, versículo 6, por meio do qual reforçava a atualidade dos dons espirituais.

“Vivendo dias em que se pregam teologias de cessacionismo, da cessação dos dons, nós como pentecostais que somos, escolhemos um tema falando sobre sermos cheios do Espírito Santo de Deus, pois  anelamos pelo poder do alto, mas com consciência para a edificação da igreja do Senhor Jesus, por isso a escolha desse tema nessa noite”, explicou o evangelista Keiler Nunes, líder do Cântico Pentecostal.

Para a realização de mais um culto festivo foram necessários meses de preparação. Tudo pensado com muito esmero por quem lidera a juventude do Templo Sede. “Há cerca de 3 meses, nós que fazemos parte da regência do conjunto, escolhemos as canções do repertório com base no tema, tentando associar os louvores ao tema que falava sempre sobre dons espirituais, sobre ser cheio do Espírito Santo, e a  gente foi buscando hinos com relação a isso. E nós sempre enfatizávamos junto com os jovens sobre isso, que não adianta só cantar sobre ser cheio, a gente sempre estava ali, vamos cantar com ousadia, vamos cantar sobre ser cheios e aí foi isso para a honra e a glória do nome de Jesus”, disse Anabel Lima, que integra a regência do conjunto.

Pelo primeiro ano como líder adjunto do Cântico Pentecostal, Luiz Augusto Vieira enfatizou que têm aprendido muito com cada integrante do conjunto, tendo em vista que “a mocidade do Templo Central ela é formada por jovens de vários estados, incluindo do interior de Campina Grande, porque nós temos uma mocidade que ela é congregada e que mora na igreja, ou seja, pessoas quem vêm estudar ou trabalhar na cidade. Então, a igreja ela acolhe, e  por meio disso há um crescimento desse departamento, um crescimento bom, espiritualmente falando. Aqui temos uma boa convivência, aprendemos uns com os outros, sobre outros estados, outras pessoas e também de outros costumes”, expressou.    

Entre as vozes que integram o conjunto aniversariante foi possível encontrar pessoas que estão no grupo há um bom tempo. A exemplo do jovem Lindemberg Silva, que ingressou no departamento no ano de 2006. “Eu cheguei aqui através de um culto de mocidade, num domingo 6 de maio de 2006, e até hoje poder fazer parte do Conjunto Cântico Pentecostal, que me acolheu, e até hoje estar aqui é um privilégio para mim, pois muitos já passaram, estão casados, em outros departamentos ou até mesmo fora da cidade, mas eu estou aqui edificado sobre a rocha com grande alegria em poder participar de mais um ano da festividade desse conjunto”, testemunhou.

Outra componente que também tem uma ligação de longas datas é a jovem Indiny Ferreira, que há 8 anos é envolvida com os trabalhos da mocidade. “Quando me integrei ao conjunto eu tinha 15 anos de idade. Para mim é uma honra, uma satisfação estar até hoje aqui, pois eu cresci muito espiritualmente dentro do conjunto, e ao longo dessa minha trajetória as lideranças que passaram sempre têm nos ajudado, e este ano não foi diferente”, expôs.     

Reforçando a proposta do culto comemorativo e baseado na carta paulina, o pastor Thiago Rodrigo (PE) trouxe à igreja uma mensagem cuja finalidade foi despertar os presentes para uma busca contínua pelo revestimento espiritual. “A recomendação de Paulo e nossa para a igreja moderna hoje não seria outra de como o jovem ou o cristão se manter edificado em Cristo e combater esses males a não sendo estar edificado na Palavra e revestido no pelo poder do alto. Então, essas duas características da igreja de estar edificada em Cristo e revestida pelo Espírito Santo é o que nos dá a autoridade de vencer todas as turbulências do deus deste século”, resumiu.  

O pastor presidente da IEADCG, Daniel Nunes da Silva, esteve presente na cerimônia e destacou a importância do Cântico Pentecostal para a denominação em Campina Grande. “A gente costuma dizer que uma igreja sem mocidade é um jardim sem flores. Então, a nossa mocidade ao longo do tempo, o conjunto logicamente que já passaram por aí muitos jovens, tanto homens como mulheres, moços e moças que passaram dando a sua contribuição, muitos se tornaram pastores, missionárias, esposas de pastores, mas esse conjunto tem uma importância gigantesca para o nosso Templo Central, para a  Obra do Senhor em nossa cidade”, enfatizou o ministro.

Reportagem: Victor Posse
Imagens: Depto. de mocidade da IEADCG