Cruzada Evangelística resulta na conversão de 10 vidas para Cristo

Os cultos promovidos ao ar livre têm sido uma das marcas da Assembleia de Deus, que desde os seus primórdios investe em Cruzadas Evangelísticas. Essa tradição tem sido mantida através de pessoas que, de forma independente ou em parceria com a Igreja, apropriam-se dos espaços públicos para difundir a Palavra de Deus.

Empenhado nesse propósito, o empresário Ivan Correia realizou na noite da última quarta-feira (10), um culto em ação de graças na rua Senador João Cavalcante, no Presidente Médici, reunindo cerca de 1.500 pessoas. Segundo o idealizador do projeto, além de ser um momento de gratidão a Deus a proposta volta-se para uma causa ainda maior: cumprir o Ide de Cristo. “Quando comecei aqui participavam, nos dois primeiros anos, cerca de vinte a trinta pessoas. E eu profetizei, que um dia eu faria uma cruzada. Com o passar do tempo Deus nos deu a condição de nos anos seguintes fazermos a primeira grande cruzada”, disse o diácono Ivan Correia.

A iniciativa, que é apoiada pela Igreja, contou com o envolvimento do Setor 7 e de seus departamentos. Nas palavras do pastor Daniel Nunes da Silva, presidente da IEADCG e COMEAD-CGPB, a proposta mostra-se oportuna, uma vez que “da maneira que o irmão Ivan tem feito, há outros irmãos que fazem também e nós incentivamos, porque esses irmãos eles promovem cultos de gratidão a Deus e contribuem na propagação do Evangelho”.

Da porta de seu estabelecimento, o comerciante Ronaldo dos Passos pôde acompanhar o culto, dando ouvido à mensagem que ali era transmitida. Realizar esse trabalho aqui, não só para mim, mas para todos os comerciantes e os moradores daqui é algo muito importante. Num mundo tão violento como esse em que vivemos, nada como a Palavra de Deus, e isso edifica não só o bairro como a nossa cidade. É algo muito bom para a gente, avaliou o participante.

A programação deste ano contou com a participação do pregador Jackson Marques (MG) que, ao destacar o poder regenerador do Evangelho na vida da humanidade, trouxe à tona os efeitos da graça de Deus. “Gratificante saber que a Palavra de Deus não volta vazia. É uma semente caindo em muitos terrenos, e eu creio que de uma semente o Senhor pode gerar muitos frutos. Foi lindo o que Deus fez essa noite, e eu creio que Ele continuará fazendo. Campina Grande pertence a Jesus, destacou o convidado.

Em forma de louvor, as Boas Novas de salvação também puderam tocar os corações daqueles que nos assentos disponibilizados no meio da rua ou até mesmo de pé nas calçadas adoravam a Deus juntamente com a cantora Eliã Oliveira. De volta a Campina Grande, a intérprete recordou com carinho da época em que esteve no Presidente Médici. Foi aqui, onde estive pela primeira vez neste bairro, acredito que há 20 anos. Primeiro lugar, que visitei Campina Grande foi este aqui. Então, retornar a essa terra é para mim um privilégio, uma alegria muito grande e nesta noite a glória de Deus já invadindo aqui este lugar”, partilhou a cantora.

Em sua terceira edição, o evento prossegue com o anúncio da mensagem do Evangelho, gerando resultados significativos para o Reino de Deus. “Ao longo desses últimos anos, em média, vinte pessoas aceitaram a Cristo. Sem contar as que ouviram e a semente foi plantada. Então, com certeza Deus falou não só com aquelas vinte pessoas que o aceitaram como falou com muito mais, inclusive com a vizinhança aqui do bairro. Onde o som tem chegado eu tenho certeza de que Deus falou a vários corações”, acrescentou o diácono Ivan Correia.

Após serem quebrantadas pela Palavra que ecoava pela rua, dez pessoas atenderam ao convite feito no término da Cruzada, entregando suas vidas a Cristo.

  

Reportagem: Victor Posse
Imagens: Jonathan Alves

Compartilhar é se importar!