Assembleia de Deus inaugura Templo no bairro do Tambor

A congregação da Assembleia de Deus, localizada no bairro do Tambor, esteve em festa na última quarta-feira (5) pela inauguração de seu templo. Após seis meses de reforma, membros e congregados passam a adorar a Deus num espaço mais aconchegante e com mais segurança.

A cerimônia inaugural teve início nas portas da Congregação Sol da Justiça (Setor 5 da IEADCG), onde o pastor Daniel Nunes da Silva e demais obreiros da Casa do Senhor oraram a Deus e entoaram cânticos em agradecimento pela expansão daquele trabalho. “Sempre é uma grande alegria para a liderança da Assembleia de Deus em Campina Grande, quando chegamos ao final de uma obra. Uma obra sempre é muito desgastante, sempre precisa de um maior envolvimento, e também um maior investimento. Então, quando chegamos e vemos que a casa ficou pronta para as ovelhas do Senhor, como eu gosto de dizer, o redil é finalizado para as ovelhas, é sempre uma grande alegria, uma satisfação, e uma consciência de dever cumprido”, compartilhou o pastor presidente.

Situada na Rua 24 de Maio desde o ano de 2006, a congregação Sol da Justiça tem sido um ponto de evangelização, onde diversas pessoas aceitam a Cristo como Senhor e Salvador de suas vidas. De lá para cá, o espaço vem sendo ampliado e recebendo melhorias em sua estrutura, acomodando hoje em dia cerca de quinhentas pessoas. “As melhorias que foram executadas no templo inclui o forro em PVC e toda a iluminação que foi refeita. Gradeamos a fachada da Igreja, que até então não existia e construímos banheiros e realizamos outras reformas menores como pintura do templo, etc.”, descreveu o atual dirigente da Congregação Sol da Justiça, evangelista Alex Lins.

Quem esteve dirigindo a solenidade foi o pastor Dari Ferreira, vice-presidente da IEADCG e COMEAD-CGPB. Para o ministro, a Congregação Sol da Justiça é tida enquanto “um marco aqui neste bairro, nesta comunidade. A Igreja, que já congrega aqui neste Templo, e então temos que preparar o templo, buscar as almas, evangelizar para que a Casa de Deus se encha, esse é o ensinamento de Jesus, propósito da Igreja é fazer a Obra do Senhor Jesus.

A programação do culto inaugural contou com a participação de conjuntos locais, além da Banda Chamas Pentecostais que conduziu os momentos de louvor a Deus. Para a ocasião também foram convidados alguns obreiros que fazem parte dessa história, dentre eles o pastor Josenildo, que dirigiu a congregação durante 6 anos. “Eu louvo a Deus e agradeço pela vida de todos aqueles que deram continuidade a esta Obra. A todos os obreiros. Quando chegamos aqui o que havia apenas era o terreno, que naquela época tinha sido comprado na gestão do presbítero Cris. E nós começamos a Obra sem ter dinheiro algum em caixa, mas o Senhor proveu tudo neste lugar”, disse o ex-dirigente da congregação no bairro do Tambor.

Para que a reforma viesse a ser concluída a igreja envolveu-se em campanhas de arrecadação entre os meses de junho e novembro. Atualmente a congregação comporta cerca de 500 pessoas. E o desejo de ver o templo cada vez mais cheio como na noite de inauguração se intensifica para a expansão do rebanho do Senhor. “Para a glória de Deus está aí uma série de melhorias na infra-estrutura da Igreja que para muitos, inclusive, para alguns da congregação era impossível acontecer, mas além de nós servimos a um Deus que é poderoso, é dono do ouro e da prata, nós temos uma Igreja que contribui, que ajuda, né? Que é parceira, e que na hora da necessidade dá as mãos”, completou o evangelista Alex Lins.

    

Reportagem: Victor Posse / Railson Lopes
Imagens: Jonathan Alves

Compartilhar é se importar!