Intercessão foi destaque em culto festivo da União Feminina

Festividade da UFAD no Setor 7

Com os corações quebrantados dezenas de pessoas participaram de mais uma festividade da União Feminina da Assembleia de Deus em Campina Grande (UFAD-CG) na última terça-feira, 10 de setembro.

A supervisora da União Feminina, Kátia Nunes, falou sobre a festividade e destacou Deus tem se feito presente e isso é maravilhoso para a gente. Nós que estamos orando, clamando ao Senhor. E o tema dessa festividade diz que ‘Se eu clamar o Senhor vai ouvir a minha voz’ e o Senhor realmente tem ouvido a nossa voz, Ele tem se feito presente, e eu só tenho que exaltá-Lo”, disse.

Momento da pregação

A prioridade da oração foi a mensagem destacada pelo pregador Ev. Welthon Pinheiro da Assembleia de Deus em Pedra Lavrada, que trouxe uma reflexão importante para os cristãos.

Eu sempre estou abordando que a maior tragédia da igreja é quando ela deixa de orar. E entendemos que o Círculo de Oração, os trabalhos de oração, são trabalhos mais áureos da igreja, a força da igreja esta na oração. Então, eu entendo que esses trabalhos, são trabalhos mais vibrantes. Que nós precisamos investir com muita força”, falou.

A irmã Hosana Costa reforçou a mensagem transmitida naquela tarde. “Através do clamor nós temos vencido muitas batalhas espirituais. Porque quando colocamos um propósito de orar, é como ouvimos na pregação, o inimigo tende a se levanta. Mas nós servimos o Deus que é maior, poderoso e faz com que o inimigo caia por terra e é através da oração que somos vitoriosos”, disse a coordenadora do círculo de oração do setor 07.

Conjunto formado pela Campanha de Visita do Setor 7

O culto realizado na Congregação Tabernáculo de Deus, no bairro do Cruzeiro, reuniu todas as irmãs que trabalham no Círculo de Oração no setor 7 e também contou com a participação de campanhas de visita convidadas. Mas foram os testemunhos compartilhados naquela tarde que chamaram a atenção e fortaleceram a fé de quem esteve presente.

Um dos milagres de oração aconteceu com Marinalva Santos da Congregação Jardim Borborema. “A minha filha se afastou dos caminhos do Senhor e começou uma campanha em nossa congregação há umas 3 semanas. E eu participei com esse propósito no coração, e disse: ‘Senhor eu creio que antes dessa campanha acabar a minha filha voltará aos teus caminhos, ela renovará a aliança’. E quando foi domingo ela veio à igreja e ali aceitou Jesus, renovou a aliança dela com o Senhor”, lembrou.

Momento Pentecostal durante o Círculo de Oração

Diante desse e de outros milagres a igreja se fortalece para continuar buscando a presença de Deus em trabalhos de oração como esse.As pessoas acham que Circulo de Oração é só para quem tem mais idade, para as pessoas mais idôneas, mas não. Deus também chama jovens, também chama crianças e eu tenho visto coisas lindas, inclusive, na minha vida, Deus fez grandes milagres na minha vida. Me curou, abriu portas e fez grandes milagres na minha vida este ano”, destacou Allana Silva.

Para o pastor setorial Jorrilson Silva, esses relatos ajudam a aumentar a fé da igreja de Cristo. “Esses testemunhos servem como grande exemplo, são como janelas, que fazem com que as pessoas reflitam sobre a importância de ouvirmos os milagres de irmãs que tinham uma vida distante de Deus, mas depois vemos que outras vidas também foram impactadas, transformadas pelo testemunho de mulheres santas e maravilhosas que se fortalecem na oração”, destacou.

E é com regozijo em seus corações que as coordenadoras, dirigentes, auxiliares e secretárias expressaram louvores em gratidão por todos os benefícios alcançados. “Eu nem sei como explicar, coisas que só Deus faz. Para mim é uma bênção, é maravilha, é só alegria, só gratidão, é esse amor, essa união, essa comunhão que existe, entre nós, e o resultado de tudo isso é o que nós vimos nesta tarde. A glória de Deus descendo sobre nossas vidas”, falou Sônia Maria.

Reportagem: Leonarda Barros
Imagens: Veneziano Gonçalves

Compartilhar é se importar!