Portas Abertas divulga nova data para o DIP

A Missão Portas Abertas no Brasil divulgou uma nova data para a realização do DIP, Domingo da Igreja Perseguida. Segundo a organização este é o maior evento nacional e interdenominacional de oração em prol dos cristãos perseguidos.

Anualmente a data acontece de acordo com a narração de atos 4, quando logo após o Dia de Pentecostes tem início a perseguição à Igreja Primitiva. Este ano, a data estava marcada para 7 de Junho, mas devido à pandemia do Coronavírus e as medidas de isolamento o evento foi remarcado e agora será realizado no dia 13 de setembro.

No site de cadastro do DIP, já são quase 10 mil igrejas em todo o país, unidas em prol de interceder por essa causa. Com a data alterada, mais pessoas poderão se envolver e preparar as igrejas para não ficar de fora desse evento de oração pelos irmãos perseguidos.

A temática abordada este ano trata-se dos cristãos ex-muçulmanos, que vem crescendo e se tornando a maior parcela de perseguidos no mundo. De acordo com a Lista Mundial da Perseguição 2020, divulgada pela Portas Abertas, 41 dos 50 países sofrem opressão islâmica. Ou seja, a maioria dos cristãos vivem em contexto muçulmano, sendo pressionados pelo ambiente em que habitam e enfrentando violência por confessarem a Cristo.

As igrejas cadastradas recebem todo um material para preparar os irmãos para esse dia de intercessão e podem continuar divulgando o trabalho realizado pela Missão Portas Abertas, para assim se unir o corpo de Cristo e fortalecer a Igreja perseguida através das orações.

Com informações Portas Abertas