Assembleia de Deus em CG anuncia retorno de cultos presenciais

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Campina Grande anunciou nessa sexta-feira (19), o retorno dos cultos presenciais de forma gradual a partir do dia 29 de Junho de 2020, começando pelo Templo Central, localizado na Rua Antenor Navarro, nº 693, no bairro da Prata. Na sequencia 15 igrejas sedes setoriais retornarão no dia primeiro de Julho e as demais congregações no dia 2, do respectivo mês.

As datas foram definidas após reuniões com a diretoria da IEADCG que entendeu a necessidade de realizar adaptação dos templos diante dessa nova realidade vivenciada após a pandemia da Covid 19 e o necessário isolamento social.

O anuncio do decreto 4.493 emitido no dia 12 de junho de 2020, pela Prefeitura Municipal de Campina Grande definindo a reabertura dos cultos religiosos, também impõe a adoção das medidas estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS). E, portanto, todas as igrejas deverão se preparar para a reabertura com a segurança necessária.

Os dias de reuniões durante a semana permanecerão como de costume. Sendo que as programações do domingo terão horários especiais com dois cultos pela manhã para a realização da Escola Bíblica Dominical e duas ministrações à noite para os Cultos Evangelísticos.

A formação de conjuntos durante os cultos permanecem suspensos, assim como os trabalhos de círculo de oração, aguardado um retorno gradual, após orientação da diretoria da igreja e das autoridades municipais.

Para a reabertura de forma segura dos cultos presenciais, a Assembleia de Deus elencou 15 medidas preventivas, iniciando com a limitação de pessoas dentro do templo, tendo em vista a impossibilidade de funcionar com sua capacidade total. A utilização obrigatória de máscaras faciais e a sinalização nos bancos e cadeiras garantindo o distanciamento de 1,5 metros.

Também foram disponíveis álcool 70% nas entradas e interior dos templos, a sinalização no piso garantindo o fluxo de entrada e saída dos participantes, evitando o contato frontal entre os irmãos e a permanência de portas e janelas abertas durante a realização das ministrações e todos os pastores e demais obreiros em exercício utilizaram as máscaras.

A questão da higienização da igreja e dependências, como púlpitos, bancos, cadeiras e corrimões será constante, assim como a limitação de pessoas na entrada dos banheiros. Para a realização organizada dos cultos haverá um cronograma prévio já estabelecido pela liderança do culto com relação ao uso individual dos microfones.

Para manter a segurança da membresia permanecem suspensos os cultos infantis e salinhas, assim como gestos afetivos como contatos de mãos e abraços.

A Assembleia de Deus também aconselha que os irmãos maiores de 60 anos, crianças e pessoas com imunidade baixa e doenças crônicas permaneçam em casa, acompanhando os cultos apenas através das redes sociais como a página do Facebook.com/ADCampinaGrande e o canal no YouTube.com/ADCampinaGrandeOficial.

Assessoria de Comunicação da IEADCG