Sedes Setoriais e congregações reabrem para cultos presenciais

As sedes setoriais e congregações da Assembleia de Deus em Campina Grande deram início aos cultos presenciais, conforme cronograma da diretoria da IEADCG e orientação da Secretaria Municipal de Saúde. Nos dias 1 e 2 de Julho as 106 igrejas na cidade reabriram as portas para cultos de doutrina e oração, respectivamente.

De acordo com o pastor Dari Ferreira, 1º vice presidente da IEADCG e pastor Setorial no bairro da Liberdade, foi uma satisfação rever os membros após cumprir os 100 dias de isolamento social.

Foi uma alegria muito grande, um momento especial em estar com os irmãos, sentimos os irmãos alegres também quando chegaram à igreja. E tivemos um culto avivado, espiritual,  onde Deus se fez presente. Agradecemos ao Senhor, por termos voltado e esperamos todos os irmãos em breve”, informou.

Segundo o pastor Dari, a sede setorial Nova Jerusalém recebeu nesse domingo (5) cerca de 115 pessoas e foi possível cultuar ao Senhor mantendo o devido distanciamento.

Obedecendo todas as normas das autoridades de saúde, durante o culto em nossa igreja separamos duas pessoas nos bancos, incluindo alguns apenas para familiares. Com isso disponibilizamos de lugares para várias pessoas. A igreja não esteve completa, porem acreditamos que em breve teremos a totalidade”, explicou o pastor Dari.

No IPEP, a sede setorial Príncipe da Paz também reuniu os irmãos que se dispuseram a estar na igreja em comunhão com outras pessoas, conforme informou o pastor Jorrilson Silva.

Agradecemos a Deus, por estar retornando aos cultos presenciais, estamos voltando aos poucos e temos visto a mão do Todo Poderoso trazendo seu povo a congregar, isso de forma gradual, lenta com cuidado, espaçamento, usando álcool em gel e distanciamento físico. Louvamos a Deus, pois no primeiro dia tivemos cerca de 20 pessoas, nos cultos posteriores também tivemos essa média. Mas foi no culto de domingo, mesmo com as fortes chuvas que contamos com mais de 40 irmãos. Nosso sentimento de alegria por ver a face de cada um. Cremos que daqui para frente seremos mais abençoados”, afirmou o pastor setorial.

As congregações também vivenciaram essa reabertura histórica dos cultos. Um dos exemplos foi no setor 12, onde a congregação Brasas Vivas recebeu com muito carinho seus membros. E no setor 6, onde a congregação Luz de Cristo registrou o momento em que duas pessoas entregaram suas vidas ao Senhor.

Nosso sentimento de reinício dos trabalhos é de gozo e alegria na parte de Deus. temos recebido orientação do pastor Daniel Nunes e aos poucos os irmãos estão voltando a freqüentar as igrejas. Os obreiros com os cuidados necessários e os irmãos também sempre com máscara. Cremos que o mais breve possível poderemos reunir todo povo de Deus nas congregações. Que o novo normal, seja restabelecido pelo Senhor em nosso meio. Porque grandes coisas fez o Senhor por nós e por isso estamos alegres”, afirmou o pastor do setor 6, Darley Gouveia.

Reportagem: Leonarda Barros
Imagens: Divulgação